11/03/2006

Corantes, conservantes, aditivos alimentares, E's e afins

Há uns tempos atrás descobri o puré de batata congelado. Muito mais saboroso que o de pacote, aproxima-se do caseiro e permite fazer cozinhados mais elaborados. Tinha ainda a vantagem de conter apenas ingredientes naturais: batata, manteiga, noz-moscada. E digo "tinha" porque há uns dias fui ao Pingo Doce buscar um pacote e, como é meu hábito (vício? mania?), percorri a lista de ingredientes. Voltei a arrumar o pacote de puré congelado no respectivo compartimento frigorífico. De repente passou a conter seis "E's"...

Durante muitos meses consumi uns iogurtes da marca dia, com pedaços de avelã. Achava-os fabulosos. Deliciosos. Até ao dia em que comprei outros, da mesma marca, mas que, à diferença destes, possuíam listagem de ingredientes em inglês. A leitura destes foi para mim uma dolorosa reveleção: os iogurtes continham, pasmem-se os inúmeros e incontáveis, gelatina de suíno! Fiquei tão enojada que fui logo esmiuçar os ingredientes dos outros. Não faziam menção do dito animal, mas referia-se a presença de gelatina. Iniciei então uma investigação inglória junto dos serviços ao cliente (??!!!) do referido supermercado: conteriam ou não os ditos-cujos iogurtes gelatina de porco? Inúmeras démarches pessoais e telefónicas não lograram revelar-me a tão almejada verdade. Pelo sim pelo não deixei de comprar e consumir os supra-citados iogurtes. Alguns meses mais tarde a lista dos ingredientes foi alterada e fiquei a saber que, afinal, tinha tido razão e os tais iogurtes sempre continham gelatina de proveniência suína. Só de pensar nisso ainda fico com sintomas semelhantes às primeiras semanas de gravidez...

Ainda no capítulo dos iogurtes, de que sou grande consumidora, os meus preferidos (dos que trazem pedaços de fruta) são os "Pomar" da Yoplait. Têm uma boa relação qualidade/preço, pedaços de fruta gigantescos e em quantidade apreciável. Gosto deles de cereja. E até há uns meses atrás, não continham vestígios dos famigerados "E's". Pois bem, os "E's" já constam. Só não deixei de consumir os ditos-cujos iogurtes porque são de facto muito bons e porque começo a interrogar-me sobre o que comer...

Alguém sabe onde se pode encontrar comida natural, sem porcarias? Ou não me digam que andamos a comer "E's" e afins desde sempre, mas só agora nos foi revelado. Descubro "E's" nos produtos mais insuspeitos, até nos tradicionais. Por exemplo: chouriço (4 a 6 "E's"), natas "frescas" (2 a 3 "E's"), pão (!!!!!!) (chega a ter 6 "E's"), etc, etc, etc.

Porque é que não nos dizem a verdade? O que são os "E's"? Que legitimidade têm os fabricantes de dar aos químicos e outros aditivos que colocam nos produtos alimentares nomes de código que não querem dizer absolutamente nada para o comum consumidor em vez de nos esclarecer sobre o que realmente estamos a ingerir???!!!

(continua)

13 comentários:

monhê disse...

pois eu sugiro a consulta http://www.agenciaalimentar.pt/index.php?module=ContentExpress&func=display&btitle=CE&mid=&ceid=198
ou então se assim não resultar no site da autoridade da segurança alimentar e económica ler o que lá escrevem sobre aditivos
Boa leitura

Luisa disse...

Devo dizer-te que até há bem pouco tempo, toda, mas toda, a gelatina era de origem suina ou bovina. Só depois do despoletar do problema da doença das vacas loucas é que começou a aparecer gelatina de origem vegetal.
E acho que não queres saber como é que se faz...

Beijinhos

Cara D'Anjo Mau disse...

Bem. Vamos lá então a sabores e texturas na boca. Para mim o mais delicioso iogurte do mercado é o cremoso stracciatella da Danone. Com finíssimas lâminas de chocolate envoltas num lânguido creme e dispersas aleatoriamente que vamos encontrando aqui e ali, quase com surpresa para nos fazer sorrir as pupilas, senhores.
A adagio tem agora uns líguidos mto bons os "momentos" que me acompanham nas duras horas de laboração e que dado o seu estado físico, o líquido, permitem uma rápida degustão, mais adequada dadas as condições laborais.
Vivo na ilusão celeste de que apenas os E's da lista da monhê estejam presentes em tais pérolas lácteas.
A lista é boa e vale a pena consultar pois muitos d'Eles já estão presentes na natureza.

Mãe Frenética disse...

Calamity: gelatina suina é gordura suina. É natural e não faz mal... serve para dar algum sabor aos iogurtes, acho eu. Se calhar estou a dizer alguma anormalidade.

Qto aos E, são conservantes e sao usadas para q a comida nao se deteriore. Passaram a ser usados pq actualmente as pessoas nao tem tempo para comprar o iogurte do dia, por exemplo. Compram 12 de uma vez. Ou para aguentar os transportes ate aos supermercados. Nao é bom, mas ajuda a nao ser pior.

Mas deve haver por ai alguma eng alimentar q ajude mais neste campo....

Ck in UK disse...

Ja tou a ver que as engenheiras ja ca vieram madar bocas. Eu ca nao entendo nada de E's mas sou contra comida ja cozinhada.
quanto ao pure: da-me ganda gosto faze-lo em casa. e demora 10 minutos! Mandas as batatas pro microondas e depois usas um masher (portuguese????) num tacho com manteiga, especiarias, e leite.
Se tiveres numa de domestic godess, entao coze as batatas na panela, como deve ser. Mas garanto-te q o teu gajo nao vai notar a diferenca....

Bolas, ja tou com fome!

rutebruno disse...

eu sou mais danissimooooooooooooooo!!!!!!!!
hummmm
por falar nisso....
está na hora da seia, não?
beijos

Luz de Estrelas disse...

Tb tive essa revelação da gelatina animal há uns anos... deixei de consumir por muito tempo, até surgirem as outras, de origem vegetal. Mas, CJ, estou contigo, a porcaria que nós consumimos diariamente dá que pensar. Agora encontrar um mísero pão de massa fresca, cozido no forno, e feito com produtos dos lavradores, passou a ser um luxo. Que até dá notícia... Percebo bem as exigências de consumo, mas dá mesmo vontade de ter imenso dinheiro e quatro ou cinco caseiros a tratarem-nos da quinta... Quanto a iogurtes, não gosto de nenhum. Lol. Não sou apreciadora. Houve uma altura que bebia os líquidos, de golada, só para dizer que não passo a vida a comer pão... Já o meu marido adora.

Mamã P. disse...

Aquilo que a Frenética menciona é verdade. Agora estamos mais alertas para estas questões mas os conservantes sempre estiveram presentes na nossa alimentação. O ideal seria comprar produtos frescos diariamente, quem tem dúvidas que até o leite do dia seja melhor?? Mas a nossa vida actual não o permite.
E depois, como tu mesmo dizes, se formos a ver bem o que iremos comer??

Carla & Repolha disse...

Vou andando que acho que prefiro a ignorância... :P (as "percarias" que eu como!!!)

125_azul disse...

Ai! Não comassalsichas, pela tua rica saúdinha!Eu gosto dos Adágio, vou cuscar os "E's". Beijinhos

Amélia do Benjamim disse...

É só para te lembrar dos biológicos, os tais de baunilha.
Beijinhos
Amélia

Cool Mum disse...

E os Tangs, Bombokas e Caprisonnes? O mal já está feito, e não temos grandes alternativas.
Os meus preferidos agora são os Puros da Danone com pedaços de ananás dos Açores.

Actriz Principal disse...

Experimenta fazer kefir em casa. Posso arranjar-te um. Tens é de ter paciência e trocar o leite todos os dias. É 100% natural e sabe a iogurte da avó. Eu costumo misturar com nesquick e com All-bran, mas podes misturar açúcar, as avelãs, fruta, whatever.
http://paginas.terra.com.br/saude/kefir/index.htm