1/24/2007

... a excepção

Talvez por não saber falar de cor, imaginei
Talvez por saber o que não será melhor, aproximei
Meu corpo é o teu corpo o desejo entregue a nós
Sei lá eu o que queres dizer, despedir-me de ti
Adeus um dia voltarei a ser feliz

Eu já não sei se sei o que é sentir o teu amor,
não sei, o que é sentir, se por falar falei
Pensei que se falasse era fácil de entender

Talvez por não saber falar de cor, Imaginei
Triste é o virar de costas, o último adeus
Sabe Deus o que quero dizer
Obrigado por saberes cuidar de mim,
Tratar de mim, olhar para mim, escutar quem sou,
e se ao menos tudo fosse igual a ti

Eu já não sei se sei o que é sentir o teu amor,
não sei o que é sentir,
se por falar falei
Pensei que se falasse era fácil de entender

É o amor, que chega ao fim, um final assim,
assim é mais fácil de entender

Eu já não sei se sei o que é sentir o teu amor,
não sei o que é sentir, se por falar falei
Pensei que se falasse era fácil de entender!

... desculpem-me os fãs, mas não gosto dos Gift...
regresso às obras; até jazz

7 comentários:

Ck in UK disse...

Oh amiga, tenho tanta pena....
falamos por mail. um beijo

Luz de Estrelas disse...

Olha, eu tenho os meus problemas, ok? Mas ainda cabem aqui os teus, na minha casa. Por isso, ai de ti que estejas a sofrer, sem me dizeres nada. Proibida!! Tu sabes tb o meu e- mail. Eu n gosto dos Gift, mas dessa música gosto muito, por acaso. Só não gosto propriamente do que ela poderá significar aí escrita.

rutebruno disse...

minha querida que se passa contigo???
precisas de mim?
diz-me qq coisa...
um beijo

maria disse...

adoro esta musica tb..bjnh

Sandra J. disse...

Oh, linda se precisares de qualquer coisa, avisa. O meu email está no blog e podes contar comigo sempre que precisares.
Um beijinho grande, grande!

Mãe Frenética disse...

minha querida.
Um beijo.

Tb não gosto dos Gift.

Loira disse...

Gaja, tenho saudades tuas!