5/21/2009

Vous avez dit bizarre? ou O Misterioso Caso do Apagão (a saga continua)

A vossa calamitosa anda mesmo sem tempo para vos brindar com as suas proverbiais e intermináveis) postas, de modos que, na impossibilidade de transcrever um artigo que traz novos e inquietantes desenvolvimentos ao já tristemente famoso Caso do Apagão, venho espalhar a má nova e reenviar-vos para o mesmo. Julgai, inúmeros e incontáveis, pelos vossos próprios olhos e contai pelos vossos próprios neurónios. E dizei-me depois se é preciso apagar dados incómodos das estatísticas oficiais e invocar um (em boa-hora surgido) erro informático ou se basta meter (descaradamente) os pés pelas mãos através da publicação das mesmas...

O "apagão" no desemprego registado no IEFP – a nunca explicada eliminação sistemática de desempregados nos ficheiros do IEFP por Eugénio Rosa

Ide. Ide lá ver e não vos deixais assustar pelo fundo algo agressivo da página, pois a agressividade é outra e nunca é demais tomarmos consciência do que se passa...

4 comentários:

CybeRider disse...

E eu que até sou alérgico a artigos de opinião e tapadinho de um todo, que vejo pouca tv e assim, pergunto: haverá alguém que me diga qual a relação entre esses dados e os do INE, porque parece que são os dados do INE que servem de referência e não esses. E para que é que esse organismo serve afinal de contas. E tal...

calamity jane disse...

Cy, francamente não sei. Ainda não ouvi qualquer referência a dados do INE em relação a este assunto. Imagino que o INE se auxilie de outras fontes e parece-me que o Gabinete de Estatística e Planeamento do Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social deve ser considerada uma fonte credível pelo próprio INE na hora de produzir as estatísticas nacionais. Mas efectivamente ainda não ouvi (nem li) uma palavra que fosse por parte do INE a este respeito. A ver vamos...

CybeRider disse...

Pois... São esses silêncios que nos lixam. Fico sempre sem saber quando é que as notícias não são só para encher chouriços. E muitas vezes ficamos sem o desfecho que nos iluminaria...

Monikyta disse...

uma bela borracha, na estatistica e na vida, é o q tem sido feito em cima dos desempregados....

bj meu