1/18/2010

Promessas

Escrever todos os dias. Prometi a mim própria voltar a escrever todos os dias. Nem que seja só dez minutos, dez linhas, dez palavras. Nem que seja para não dizer nada. Nem que seja para reescrever depois. E desligar o facebook. Ou pelo menos não olhar para ele. Não bloquear a ver passar o comboio virtual. Pôr as minhas coisas em andamento. Pôr a minha vida nos carris.
O registo ficará aqui ou será manual, que a escrita à mão é insubstituível. Deveria obrigar-me a cumprir ambas, mas há que ser minimamente razoável e não exigir demasiado de mim própria de uma vez, sob pena de depois ficar zangada por não cumprir. Vamos por partes, não é?
Assuntos a tratar proximamente: viagem a Marrocos e biscate das aulas de conversação em língua francesa a psi. Duas facetas de uma mesma descoberta: Eu. A vida é infinitamente curiosa e cheia de surpresas. Pena o tempo ser tão escasso. Nem que viva mil anos...

6 comentários:

Mae Frenética disse...

:) Bem vinda! :)

Luz de Estrelas disse...

Aqui estou para te ler. Nem que sejam dez letras.

Alecrim disse...

Prometi o mesmo. Mais blogue, mais textos, menos facebook.

escarlate.due disse...

Marrocos?? ichh boa viagem e vê lá se não te trocam por camelos, irra só de me lembrar disso dá arrepios.
escrever é uma boa, essa concordo :)

Alecrim disse...

Calamity, se me quiseres acompanhar tenho blogue público: http://mimoemaresia.blogspot.com
That's me :)

Mãe Marta disse...

Que bom! :)